A recuperação da camada de ozônio

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Os danos causados pelo buraco da camada de ozônio são evidentes pela quantidade de casos de câncer de pele. A grande noticia foi dada por Susan Solomon, pesquisadora do Massachusetts Institute of Technology (MIT) que constatou uma redução de quatro milhões de quilômetros quadrados do buraco da camada de ozônio.  A autora atribui a redução do buraco ao “declínio contínuo do cloro atmosférico proveniente de clorofluorcarbonetos (CFCs)”, ou componentes químicos que eram emitidos por limpeza a seco, geladeiras, spray de cabelos e outros aerossóis. A simulação da Nasa mostra muito bem a redução:

Leia também

O buraco na camada de ozônio

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Professor de Química Analítica da Universidade Federal do Amazonas, autor de livros em Química, Editor da Revista Eletrônica Scientia Amazonia e da Revista Divirta-se com o Clube da Química.

About Genilson Pereira Santana

Professor de Química Analítica da Universidade Federal do Amazonas, autor de livros em Química, Editor da Revista Eletrônica Scientia Amazonia e da Revista Divirta-se com o Clube da Química.

One thought on “A recuperação da camada de ozônio

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *