A Química dos vitrais

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Os vitrais uma das formas mais elegante do uso do vidro são conhecidos desde a antiguidade, ganhando importância na arquitetura na Idade Média. A necessidade dos vitrais nasceu com a construção de igrejas para resolver problemas com a iluminação. Para criar o vitral, os pintores tinham que produzir um esboço do desenho a ser aplicado em cima do vidro.  Para a produção das cores nos vitrais às peças são adicionados elementos como bismuto, cádmio, cobalto, ouro, cobre entre outros aos componentes básicos do vidro (areia, calcário, barrilha e alumina).  Particularmente, os vitrais que foram coloridos com ouro existem estudos que apontam afirmando que desempenham a função de purificadores de ar fotocatalíticos, pois o sol energizam o ouro tornando-o capaz de destruir poluentes do ar como produtos orgânicos voláteis (por exemplo, metanol).

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Professor de Química Analítica da Universidade Federal do Amazonas, autor de livros em Química, Editor da Revista Eletrônica Scientia Amazonia e da Revista Divirta-se com o Clube da Química.

About Genilson Pereira Santana

Professor de Química Analítica da Universidade Federal do Amazonas, autor de livros em Química, Editor da Revista Eletrônica Scientia Amazonia e da Revista Divirta-se com o Clube da Química.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *