O que o cloro da piscina faz realmente ao seu corpo?

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Durante o verão um cheirinho que é típico é o cheiro de cloro que vem das piscinas. Umas pessoas gostam do cheiro mas outras odeiam. Independente de gostarem ou não do cheiro, as pessoas tenham uma certeza de que a piscina tem condições para ser usada. Claro, o cloro é um elemento necessário para a diversão de verão. Afinal de contas, você não gostaria de dar um mergulho em uma piscina para refrescar do calor? Esse produto químico é essencial para manter as bactérias e os efeitos do xixi longe das águas da piscina. Só curiosidade o  cheiro de piscina que você associa ao cloro  na verdade não é cloro, e sim um composto chamado tricloramina, que se forma quando o cloro reage com xixi e suor. É verdade que muito cloro pode causar muita irritação na pele, todavia as quantidades usadas nas piscinas normalmente não são motivo de preocupação. Por outro lado, uma piscina superclorada pode causar irritação nos olhos, secar o cabelo e a pele (removendo-os de óleos naturais) e, às vezes, fazer com que os cabelos coloridos passem a ter tons de verde. Por causa disso, é importante ter os níveis corretos de cloro na piscina. Além disso, o excesso de cloro na piscina pode causar a saída de pequenas quantidades de vapor, o que pode ??desencadear a asma. Só para ter uma ideia na Primeira Guerra Mundial, o cloro gasoso era usado como arma química . A inalação de grandes quantidades desse gás é venenosa e pode causar o que é chamado de edema pulmonar ou acúmulo nos pulmões. Agora, se você ficar com um pouco de irritação por causa do cloro da piscina,  aplique um bom hidratante para reabastecer alguns desses óleos naturais que o cloro pode ter retirado. Pessoas que passam muito tempo na piscina, como nadadores competitivos ou crianças que adoram piscina, podem ter mais de seus óleos naturais arrancados da pele, nesse caso deve-se usar de creme ou pomada hidratantes, em vez de loções. O mais recomendado são hidratantes que contenham ceramidas, que são óleos naturais em nossa pele. Para afastar melhorar a irritação dos olhos durante a natação, você pode usar óculos de proteção e na sua ausência recomenda-se alguns colírios lubrificantes após a piscina. E para cabelos sensíveis,  usar uma óleo antes de entrar na água ou usar um touca de natação. No caso de bebês  a sua pele possui mesma qualidade e as mesmas barreiras de proteção  de um a crianças pequenas.  Portanto, além de tomar os cuidados anteriores e  evitar as horas de pico do sol e curtir a piscina cedo.

Fonte: Live Science

Leia também

Porque não devemos urinar nas piscinas

A química por detrás da piscina

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Professor de Química Analítica da Universidade Federal do Amazonas, autor de livros em Química, Editor da Revista Eletrônica Scientia Amazonia e da Revista Divirta-se com o Clube da Química.

About Genilson Pereira Santana

Professor de Química Analítica da Universidade Federal do Amazonas, autor de livros em Química, Editor da Revista Eletrônica Scientia Amazonia e da Revista Divirta-se com o Clube da Química.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *