O alumínio na natureza

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

O alumínio é encontrado na natureza na forma combinada em rochas e minerais, sendo o elemento mais abundante na crosta terrestre (8%). O seu principal mineral é a bauxita ou bauxite que é uma mistura natural de óxidos de alumínio, sendo o principal componente o Al2O3. A bauxita contém também sílica, óxido de ferro, dióxido de titânio, silicato de alumínio e outras impurezas em quantidades menores. Os principais hidróxidos de alumínio achados em proporções variadas na bauxita são gibsita e os isômeros boehmita e diásporo. A bauxita é classificada tipicamente de acordo com a aplicação comercial: abrasivos, cimento, produtos químicos, metalúrgicos e material refratário, entre outros. A maior parte da extração mundial de bauxita (aproximadamente 85%) é usada como matéria-prima para a fabricação de alumina, por lixiviação química, método conhecido como processo Bayer. O Brasil constitui a segunda maior reserva de bauxita no mundo (especialmente na região de Trombetas, no Pará, e em Minas Gerais). Por causa disso, o Brasil com o sexto lugar em produção de bauxita, destaca-se no cenário mundial na produção de alumínio.

Leia também

Bateria com lata de alumínio

O alumínio e a indústria automotiva

A eletrólise do alumínio

A combinação: Alumínio e o seu óxido

O alumínio de precioso a metal comum

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Professor de Química Analítica da Universidade Federal do Amazonas, autor de livros em Química, Editor da Revista Eletrônica Scientia Amazonia e da Revista Divirta-se com o Clube da Química.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *