A tabela e Natureza

Indubitavelmente, a natureza é conhecida por ter duas mãos: a complexidade e a simplicidade ao mesmo tempo. Um exemplo dessa afirmação é a água, que embora seja abundante na Terra e vital para a nossa sobrevivência, ainda é objeto de muitas pesquisas, basta acessar o Google Acadêmico (clique aqui). Em linha gerais, muitas das coisas que ainda temos que entender sobre a natureza se devem ao fato de que, além da superfície, existe uma rede complexa de estruturas organizacionais que não são aparentes a olho nu e, ainda, precisam ser bem entendidas com técnicas modernas ou serem desenvolvida.

Um dos cientistas que entendeu que existe uma ordem intrínseca para o mundo ao nosso redor foi Dmitrii Mendeleev. Ele descobriu que existe um arranjo e uma relação específica entre os elementos da tabela periódica, ou os elementos que compõem o nosso mundo natural. Este ano marca o aniversário de 150 anos da descoberta e muitos eventos em todo o mundo são dedicados a celebrá-lo. O que torna a tabela periódica mais inovadora e saliente é que ela forma a base da química. Ela estabelece a base e a compreensão de como diferentes partes do mundo elementar natural estão conectadas. Antes dessa descoberta, os elementos foram pensados para compor uma realidade fragmentada com pouca relação entre si. No entanto, a importância da descoberta de Mendeleev foi que ela não só mostrou as relações entre os elementos, mas também permitiu a previsão da existência de outros elementos ainda não conhecidos. Na verdade, ter a tabela periódica permitiu confirmar a existência de átomos, ou minúsculos blocos de construção microscópicos da matéria. Medeleev estabeleceu a base para a realidade matemática da mecânica quântica, que décadas mais tarde seria descoberta como uma nova maneira de entender o funcionamento microscópico do nosso universo.

Leia também
A tabela periódica segundo a matemática
A tabela periódica segundo estudantes de arte
A situação da Tabela Periódica nos seus 150 anos
Uma das primeira tabela periódica em sala de aula
O nascimento da tabela periódica
O prelúdio da tabela periódica
O prelúdio da tabela periódica: o filósofo grego que teve a ideia certa
Tabela Periódica de acordo com o Pais descoberto

About Genilson Pereira Santana

Professor de Química Analítica da Universidade Federal do Amazonas, autor de livros em Química, Editor da Revista Eletrônica Scientia Amazonia e da Revista Divirta-se com o Clube da Química.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.